26 de out de 2009

Amizade dos Bons

Porto Alegre
26 de Outubro de 2009


Caro Amigo!

Espero que vocês nunca tenha pensado em facilitar o processo de viver, saiba que poucos não sofrem nesse processo e espero que você esteja feliz, feliz por eu te enviar essa carta, feliz por saber que eu estou aqui, saber que eu não me importo com sua cor, sua forma de parecer ou agir, pra min o que importa é que você seja feliz e que possamos ter muito momentos juntos mesmo que separados pelo destino. e aviso que muitas das pessoas que você considera amigo vão te derrubar, outros vão lhe insultar e Alguns vão simplismente fingir que você não existe. mas eu eu estarei aqui sempre de braços abertos te esperando pra ti poder desabafar e saiba que tu só é meu amigo porque tu é sincero comigo e sei que pra você eu posso contar a verdade. Obrigado por ser meu amigo. Eu estou com saudade me mande noticias.

Diego Leismann de Quadros

18 de out de 2009

Realidade

Quando eu o vi . Estava no meu habitual caminho para casa quando me dei por conta dele ali no chão, sentado em alguns papelões, pedindo apenas que olhassem para ele. Na rua, ele perdeu a voz, perdeu a identidade, não entende mais seu lugar no mundo, mas aceita como única alternativa.
Quem passa não percebe, fingi que não vê. Como se não tivesse culpa de nada, tentam não sentir pena, não podem ajuda-lo. É parte do sistema, que bota alguns em lugares privilegiados para inspirar e emocionar, e outros na rua, para serem talvez notados em sua quase existência.
Ainda deve estar lá, em alguma rua qualquer, para quem quiser ajudar ou apenas ver.

14 de out de 2009

Quem Foi?

Em quem você acreditou?
Quem você achou que era especial?
Quem não se importou com seus sentimentos?
Em quem você apostou?
Quem te prometeu e não cumpriu?
Quem te fez acreditar que a beleza é tudo?
Quem te ensinou o que é ser feliz?
Quem você espera muito mais que um encontro?
Quem foi a pessoa que voce lembrou um dia inteiro?
Quem você lembrou em momentos de solidão?
Pra quem você ligou quando queria desabar?
Quem não te deu o valor que você achava que merecia?
Quem deixou de ligar na noite seguinte?
Quem te fez chorar?

Concerteza ele tbm sofreu tudo isso
e tirou a conclusão que acreditar que o AMOR é uma bobagem
e que as pessoas não são completas com um garoto apenas!
Quem te deixou com medo de amar?

9 de out de 2009

Um Passado

Quem me conheceu aqui não sabe, nunca soube quem eu fui, ninguem sabe onde eu nasci, onde eu me criei, pra ir pra escola eu tinha que andar um quilometro todos os dias passando por um morro o famoso MORRO ALTO na zona sul de Porto Alegre. Eu cresci entre duas faces "os mais beneficiados" e "os garotos do morro". eu cresci no meio da criminalidade e sempre fui muito pobre meu pai tinha um armazem mas os lucros eram minimos e o negocio não dava muito certo. no fundo eu nunca vi isso mas agora eu penso muito bem sobre tudo isso. tantos amigos que cresceram junto comigo, e eles varios não eram "garotos do morro" eles eram "os mais beneficiados" e foram eles, um a um passando a ser do morro, eles que nunca passaram fome como eu passei, eles que tinham tudo, uns estudavam ate em escolas particular. Eu passei fome eu sempre fui pobre e todos os meus amigos que eram os garotos do morro, eu como todos os garotos do morro lutam trabalham e se esforção. eu não segui o bando de mauricinhos drogados da vila.

Eu não acredito naquela velha história que POBRES viram marginais porque não tem oportunidades, eufui pobre e não tive oportunidades mas mesmo assim eu lutei e sobrevivi ao captalismo, e eu fui bem mais pobre que a metade dos marginais que eu conheço e eles fizeram essa escolha não porque eles não tinham oportnidade e sim porque ele acharam mais facil ser marginais do que trabalhar.

O que eu quero dizer que entrar pro mundo do crime não tem nada a ver com a situação que se vive na infancia ou adolescencia, entrar pro mundo do crime é uma escolha de cada um, e não são pobres que entram, são garotos de classe media, que no minimo tem estudo pra administrar bastante grana, são estes garotos os donos das bocas de fumo de PORTO ALEGRE. Obrigado.

basicamente um discurso que eu ainda vou fazer pra 50 mil pessoas.